Prooptica com “Visão de Futuro” no mercado de luxo

Imagem da notícia: Prooptica com “Visão de Futuro” no mercado de luxo

No seguimento das comemorações dos 25 anos da empresa, a Prooptica deu a conhecer o seu vasto portefólio, com duas novidades: a representação das marcas Zilli e Byblos, apostas no mercado de luxo e moda.

Luís Justino, administrador da Prooptica, traçou-nos o balanço das iniciativas.

ÓpticaPro: Há uma aposta clara no mercado de luxo? 

Luís Justino: Dividimos o nosso portefólio em cinco segmentos: luxo, moda, fast fashion essential e specialist. O segmento de luxo era o que precisava de mais investimento este ano. A par da Davidoff, Jaguar e Charriol, a Zilli vem completar este segmento.

ÓpticaPro: O cada vez maior número de turistas que nos visitam reflete-se nas vendas Prooptica e nas suas apostas comerciais?

Luís Justino: Seguramente. O mercado de luxo é sempre interessante de trabalhar, com uma distribuição seletiva ou exclusiva priviligiando nichos de mercado. O turismo em Portugal está a melhorar os índices da procura, ainda que, nos últimos anos, se sinta a falta dos turistas angolanos e brasileiros que são consumidores relevantes deste segmento. Com a conjuntura económica a mudar nesses países, acreditamos que estes clientes voltem em força e que tornem o mercado de luxo em Portugal ainda mais atrativo.

Leia a entrevista na íntegra na ÓpticaPro nº185!

23 Outubro 2018
Entrevistas

PUBLICIDADE
Hoya DIA MUNDIAL DE LA VISION
PUBLICIDADE
MIDO

Notícias relacionadas

“Este projeto nasce do amor à ótica”

Com o lema “Tratamos os seus olhos com amor”, Alexandra Leocádio decidiu inaugurar a Holy Eyes no Prior Velho no início de setembro, após 24 anos no mercado da ótica. Um novo espaço dedicado à comunidade, com o foco no controlo e prevenção da miopia entre os mais novos.

Ler mais 17 Novembro 2022
Entrevistas

Óptica Euronítida “sopra” 18 velas

Foi em julho que a Óptica Euronítida celebrou o seu 18º aniversário. Situada em Alfena, esta ótica familiar prima, segundo o seu fundador, pelo “rigor e honestidade, credibilidade, responsabilidade, inovação, domínio dos conhecimentos de ótica, solidez e rentabilidade económica”.

Ler mais 11 Novembro 2022
Entrevistas