“O grande objetivo da fusão é que todos os intervenientes no processo ganhem”

Imagem da notícia: “O grande objetivo da fusão é que todos os intervenientes no processo ganhem”

Em entrevista, a empresa nacional pretende que fabricante, ótico e cliente final beneficiem de uma fusão que deu origem a uma única empresa, a POLO.

As duas empresas estão ligadas há vários anos e quiseram agora iniciar “um novo capítulo desta história”.

“Esta nova marca, que pretendemos dinamizar e dar maior relevo vai afirmar e reforçar a qualidade da produção e inovação portuguesa, reforçando a sua importância no panorama da indústria ótica nacional e internacional”, afirma Diogo Baldaque da Silva.

A entrevista está disponível para leitura na revista ÓpticaPro 222.

27 Janeiro 2022
AtualidadeEntrevistasLentes

PUBLICIDADE
Bausch Lomb

Notícias relacionadas

A Visão de Rui Cruz

Rui Cruz, responsável pela Óptica Cruz, sediada em Viana do Castelo, protagoniza a rubrica “A Visão de...”, onde damos a conhecer o seu lado mais intimista. Sem nunca esquecer a realidade do setor, procuramos ao longo das edições da ÓpticaPro revelar alguns gostos pessoais das figuras ligadas ao mundo da ótica em Portugal.

Ler mais 27 Maio 2022
CuriosidadeEntrevistas

Barcelona Specs muda-se para setembro

Inicialmente prevista para este mês de maio, a exposição da cidade condal está agora agendada para 3 e 4 de setembro de 2022. Mais de 30 marcas reservaram já lugar para a feira presente no coração da cidade de Barcelona, no Pavilhão Italiano, Fira Montjuic, Plaça d’Espanya.

Ler mais 24 Maio 2022
AtualidadeEventos e formaçãoÓculos