Rui Correia: “Saio da ANO orgulhoso do legado entregue”

Imagem da notícia: Rui Correia: “Saio da ANO orgulhoso do legado entregue”

Após mais de duas décadas à frente dos destinos da Associação Nacional de Ópticos (ANO), Rui Correia aceitou o convite da ÓpticaPro para partilhar com os nossos leitores um balanço deste seu percurso que, garante, se traduz numa ANO sólida, equipada e com recursos para desenvolver o principal objetivo da instituição: “A defesa dos interesses empresariais dos associados”.

ÓpticaPro: Que balanço faz dos 23 anos nos destinos da Associação Nacional de Ópticos ?

Rui Correia:Esclareço que fui 23 anos diretor, dos quais 12 como presidente da ANO. Como balanço após estas duas décadas, temos hoje uma ANO reconhecida publicamente e com oferta de serviços e vantagens para os seus associados, assumindo o papel de auto-regulador do mercado, a bem da saúde pública, sustentado no objetivo de melhor servir, com mais e melhores conhecimentos técnicos e com elevada ética profissional e empresarial.

Entrevista completa na ÓpticaPro 196.

30 Agosto 2019
Entrevistas

PUBLICIDADE
Mido 2020

Notícias relacionadas

“Queremos ser uma marca de referência em Portugal”

Estivemos à conversa com Elísio Marques e João Cunha, CEO e diretor comercial da Morel Portugal, respetivamente. O objetivo deste encontro foi fazer o balanço do primeiro ano e meio de atividade da empresa no nosso país, o qual - segundo os responsáveis - é 100% positivo.

Ler mais 15 Janeiro 2020
Entrevistas

“Há 15 anos, a ótica era mais ótica”

Paula Pinho e o seu marido Arlindo Teixeira contaram-nos quais são os principais desafios que enfrentam para gerirem o Adão Oculista hoje em dia e deixaram-nos a sua visão sobre as diferenças que encontram no mercado desde que a ÓpticaPro nasceu, há 15 anos.

Ler mais 14 Janeiro 2020
Entrevistas

“Sou uma pessoa de pessoas, que privilegia as relações”

Após 28 anos na direção de Recursos Humanos da GrandVision, Rosário Carmona tomou a decisão de abrir um negócio próprio, a MultiOpticas na Cova da Piedade, para dar continuidade a todo um percurso feito na área, aproveitando o conhecimento do negócio, dos parceiros e do mercado da ótica em geral.

Ler mais 6 Novembro 2019
Entrevistas