Contração de 5,6% no mercado Ibérico

Imagem da notícia: Contração de 5,6% no mercado Ibérico

Segundo um estudo da Informa D&B, a procura de artigos ópticos em Portugal e Espanha está em trajetória descendente desde 2008, provocando uma debilidade no consumo privado e uma tendência cada vez mais notável da descida dos preços.

O documento, intitulado ‘Setores Portugal’, revela que após uma descida de 7,4% registada em 2012, o ano passado apresentou uma contração de 5,6%, com uma faturação de 765 milhões de euros no mercado ibérico. Portugal registou uma faturação negativa de 6,3%, algo como 150 milhões.

Espanha, por outro lado, apresentou uma queda de 5,4%, valor que corresponde a 650 milhões de euros em vendas.

Como razões, o estudo aponta a conjuntura económica negativa e o abrandamento do consumo das famílias.

A solução para os profissionais da óptica está num serviço de qualidade, com prioridade no cliente.

Rui Amaral, da Bausch+Lomb, em declarações ao ÓpticaPro considerou que “o mercado da óptica está em mudança e adapta-se a novos hábitos de consumo dos clientes, à nova tipologia de consumidor, que são quem confirma as tendências positivas do mercado”.

Já Rui Borges, da GrandVision, entende que o sucesso se justifica com “muito trabalho, seriedade da aproximação ao mercado e aos clientes em particular”, especialmente quando “houve um ajustamento do mercado para valores mais alinhados com o potencial de compra do consumidor português”.

David Pellicer, da Etnia Barcelona, explica que “hoje em dia vendem-se mais óculos que há cinco anos atrás e, daqui a cinco anos, ainda se vão vender mais óculos”.

Pondera que é nos tempos de crise que “surgem oportunidades de se apresentar novas ideias e simplesmente trabalhar mais arduamente, como também estar mais predisposto a seguir novos caminhos”.

Por outro lado, Tiago Alves, da óptica Olhar de Prata, interpreta que houve “um crescimento de oferta. As ópticas juntam-se a grandes grupos, pois apostam fortemente na comunicação, que é uma mais-valia que não está ao alcance das ópticas independentes”, no entanto surge depois uma “banalização de preços que só os grandes grupos podem praticar, o que obrigará as ópticas independentes a aderirem ou a diferenciarem-se dos mesmos”.

Saiba mais sobre este tema na próxima ÓpticaPro.

12 Fevereiro 2014
Atualidade

PUBLICIDADE
MIDO 2022
PUBLICIDADE
jackNoble
PUBLICIDADE
.....nome do evento, marca, etc.....
PUBLICIDADE
Vision Plus Expo 2021

Notícias relacionadas

Luneau apresenta Briot Couture, a nova visualização 3D

A Luneau Technology apresenta a nova visualização 3D para profissionais de ótica, a Briot Couture. “Sendo o derradeiro sistema de biselagem em termos de precisão e fiabilidade, a Briot Couture permite aos profissionais de ótica exigentes ver os resultados do seu trabalho ainda antes de começarem”.

Ler mais 20 Setembro 2021
AtualidadeConteúdo patrocinadoEquipamentos e software

Brandsday Opticalia revelou as novas “tendências” eyewear do grupo ótico

A reunião com os seus associados foi o mote para a apresentação das novas coleções do universo Opticalia. 720 modelos estiveram em exposição, representativos de 13 marcas exclusivas da Opticália, num evento realizado esta quinta-feira (16 setembro) no edifício Indulgent, no Porto.

Ler mais 17 Setembro 2021
AtualidadeEventos e formaçãoGrupos de óticaÓculos