Manual de Sobrevivência para o Retalho Ótico com segunda edição

Imagem da notícia: Manual de Sobrevivência para o Retalho Ótico com segunda edição

A CECOP continua a apoiar, desde o início da pandemia, todas as óticas independentes, fornecendo as melhores ferramentas para que possam permanecer competitivos no mercado. “Como em qualquer cenário de crise, temos um panorama em que é necessário tomar medidas para que as empresas possam superar a recessão económica e, ao mesmo tempo, fortalecer-se, para o momento da recuperação. Pensando nisso, lançámos a primeira edição do e-book Manual de Sobrevivência para o Retalho Ótico no início do mês de maio, onde incluía uma série de medidas para ajudar a mitigar os efeitos da crise Covid-19”.

O principal objetivo do primeiro manual era que ele pudesse servir de guia para todo o setor e que pudesse aliviar os efeitos que essa crise possa ter causado. Os conselhos foram divididos nas seguintes áreas de ação: Operações – dicas para o dia a dia da sua ótica; Finanças – o que pode fazer para minimizar os impactos da crise e gerar renda; Pessoas – como manter os seus funcionários motivados a liderar em tempos de crise; Marketing – o que fazer e o que não fazer para melhorar a imagem do seu negócio; e, por fim, uma dica – prepare-se para o futuro. A pandemia é temporária, mas a transmissão não é.

A empresa está ciente de que uma das medidas mais necessárias para o setor é a transformação digital e que a digitalização da ótica é uma realidade acentuada após a crise Covid-19. Por este motivo, lançou agora uma segunda edição do Manual de Sobrevivência para o Retalho Ótico, sobre a venda de produtos óticos, mas desta vez focado principalmente em aumentar as vendas digitais. O manual, em formato de e-book, é adaptado às regulamentações de cinco dos países onde a CECOP está presente: Portugal, Espanha, México, Colômbia e Itália. 

31 Maio 2020
Grupos de ótica

PUBLICIDADE
.....nome do evento, marca, etc.....
PUBLICIDADE
Vision Plus Expo 2021

Notícias relacionadas