“O objetivo é tornarmo-nos mais fortes”

Imagem da notícia: “O objetivo é tornarmo-nos mais fortes”

Luís Góis, Vera Velosa e Paulo Arromba são os novos “rostos” na gerência do Institutoptico, uma mudança que coincide com a celebração dos 25 anos do grupo.

ÓpticaPro: Antes de mais, porquê esta mudança de gerência no Institutoptico?

Luís Góis: A mudança de gerência do grupo Institutoptico foi um processo natural decorrente do terminar de um ciclo e o começo de outro. Não significa isso o romper com o passado, mas trazer uma nova abordagem ao percurso que o Institutoptico tem seguido nos últimos anos, reforçando os serviços que o grupo presta aos seus ópticos.

OP: Como se deu a vossa nomeação para este cargo?

Vera Velosa: Ao longo de várias conversas, percebemos que temos muito em comum relativamente à visão que partilhamos para o nosso grupo e para as nossas ópticas, sendo que o objetivo é tornarmo-nos mais fortes e melhor preparados para os desafios presentes e futuros. Foi, por isso, com grande satisfação que verificámos que as nossas ideias eram partilhadas pela grande maioria dos sócios, que compreenderam e aceitaram o projeto que lhes apresentámos, assente na continuidade de algumas ideias e iniciativas já existentes, mas com uma abordagem mais profissional e com uma dinâmica mais adequada à velocidade dos nossos tempos. É um projeto que lança novos desafios e novas metas de forma a dotar os ópticos Institutoptico das ferramentas necessárias para se manterem no mercado de forma sustentável.

OP: Qual o percurso de cada um no setor da Óptica?

Paulo Arromba: Todos nós pertencemos à segunda geração de ópticos das nossas empresas. Vivemos as mudanças das últimas décadas no setor da óptica de perto, junto daqueles que criaram as nossas empresas, bebendo da sua experiência e interiorizando que o posicionamento que melhor garante a sustentabilidade do setor é a qualidade do serviço e do atendimento. Porque demonstrámos valor, aceitámos o testemunho de quem nos precedeu para liderarmos o Institutoptico.

Toda a entrevista na ÓpticaPro 134.

10 Julho 2014
Entrevistas

Notícias relacionadas

“Acreditem na optoVision e no projeto da marca para Portugal”

Mário Pereira é o "rosto" da optoVision em Portugal, laboratório alemão de lentes oftálmicas que chegou em outubro ao nosso país. Numa entrevista intimista, o responsável pelo projeto falou-nos do seu percurso e da larga experiência que possui na área das lentes oftálmicas e, ainda, da marca que vai liderar em território nacional.

Ler mais 16 Novembro 2020
Entrevistas

Daniela Guerreiro: “O mercado da ótica mudou bastante”

Com uma recente remodelação, a Oculista Carioca, nos arredores de Sintra, está mais atrativa e funcional. Com “um serviço de qualidade, seriedade e profissionalismo”, Daniela Guerreiro, há 16 anos na empresa fundada pelo pai, reconhece que o mercado mudou bastante desde então.

Ler mais 20 Julho 2020
Entrevistas