“Queremos reforçar a presença da General Optica em Portugal”

Imagem da notícia: “Queremos reforçar a presença da General Optica em Portugal”

Luís Coelho é o rosto da General Optica (Mais Óptica) em Portugal e explica-nos as linhas de atuação e os desafios futuros deste grupo.

ÓpticaPro: A General Optica surgiu há 60 anos em Espanha. Há 18, instalou-se em Portugal como Mais Óptica. Porquê esta distinção no nome?

Luís Coelho: Quando constituímos a empresa em Portugal, em 1998, chamava-se também General Optica. No entanto, após um estudo de mercado que efetuámos, no sentido de averiguarmos qual seria a denominação mais adequada para o nosso país, constatámos que a palavra “general” não funcionava aqui. Como sabe, “general” traduzido do espanhol significa “geral”, mas a palavra em Portugal tem implícito um cargo militar. Além disso, deparámo-nos com algumas dificuldades no registo da marca… portanto, as duas coisas juntas levaram a que atribuíssemos a nomenclatura Mais Óptica ao grupo em Portugal.

OP: Mas acha que existem muitas diferenças entre os mercados espanhol e português?
LC:
Não, as empresas olham cada vez mais para estes dois mercados como um mercado ibérico. Apesar de terem as suas especificidades, às quais temos que nos adaptar, a verdade é que há muitas mais semelhanças, as linhas mestras são as mesmas.

OP: Voltando à Mais Óptica, que balanço faz da atividade do grupo durante os últimos anos?
LC:
Podemos dizer que a empresa atingiu a idade adulta de forma positiva. O balanço que fazemos é extremamente satisfatório. Claro que tivemos momentos de avanços de de recuos, porque a situação económica do país assim o ditou, mas estamos no bom caminho. A intenção é manter a mesma linha de atuação e reforçar a presença do grupo em Portugal.

Toda a entrevista na ÓpticaPro 158.

 

19 Julho 2016
Entrevistas

Notícias relacionadas

Criador da Police Eyewear muda-se para Portugal

O designer e criador da marca Police Eyewear, Bruno Palmegiani, decidiu mudar-se de armas e bagagens para Lisboa no ano passado, onde tenciona colocar em prática algumas ideias e projetos quando a pandemia o permitir.

Ler mais 22 Fevereiro 2021
Entrevistas

“Nunca mais vamos voltar a trabalhar como antigamente”

Confesso otimista, irrequieto e ambicioso, Rui Motty é uma pessoa inspiradora, característica própria dos líderes. Numa longa conversa com a ÓpticaPro, o diretor da Optocentro desvendou-nos as novidades da empresa, para além das soluções para os obstáculos provocados pela pandemia associada ao novo coronavírus. De uma coisa está certo: nada voltará a ser como antes.

Ler mais 20 Janeiro 2021
Entrevistas

Rui Motty em entrevista

Confesso otimista, irrequieto e ambicioso, Rui Motty é uma pessoa inspiradora, característica própria dos líderes. Numa longa conversa com a ÓpticaPro, o diretor da Optocentro desvendou-nos as novidades da empresa, para além das soluções para os obstáculos provocados pela pandemia associada ao novo coronavírus.

Ler mais 21 Dezembro 2020
Entrevistas