João Vilar observa os “olhos e rendimento escolar” no regresso às aulas

Imagem da notícia: João Vilar observa os “olhos e rendimento escolar” no regresso às aulas

Numa publicação, o optometrista da Optocentro fala-nos como a partir dos 2 anos de idade os olhos “tornam-se a principal porta de entrada de informação do mundo exterior, tornando-nos seres eminentemente visuais”.

Para o profissional da Optocentro, a “musculatura que permite que os olhos se mexam tão rápida e eficazmente, também contribui de forma decisiva para que o nosso corpo se localize e movimente de forma adequada no espaço”. Nesse sentido, o “processo de leitura exige uma boa capacidade em movimentar coordenadamente os nossos olhos”, observa João Vilar.

No entender do optometrista, a “aprendizagem depende em grande medida da capacidade de processar essa informação, e está demonstrado que quanto melhor for esse input, mais facilitado estará o processo cognitivo”.

Para João Vilar, a normalização e otimização do sistema visual e oculomotor deve ser potenciado através de técnicas como a utilização de “óculos ou lentes de contacto” para “compensar as ametropias – miopia, hipermetropia, astigmatismo”, a iniciação de “um programa personalizado de terapia visual para corrigir anomalias de oculo motricidade e perceção” e/ou a “prescrição de lentes prismáticas para melhorar as condições propriocetivas”.

Aos sinais mais visíveis das “dificuldades na aprendizagem” ao nível da “leitura, escrita, perceção visual e/ou auditiva, motricidade geral”, assim como, a sintomas como o “cansaço excessivo, desconforto visual, sensibilidade à luz, dores de cabeça durante ou após a realização de trabalhos de perto devemos pensar que de alguma forma, os olhos podem estar a condicionar o seu desempenho”, sublinha João Vilar.

Desta forma, deve ser feita uma “avaliação cuidada” para cada uma ou para um “conjunto particular de alterações simultâneas”, de forma a “encontrar soluções que conduzam à normalização dos sistemas, visual, oculomotor e propriocetivo”.

João Vilar, da Optocentro, finaliza que “todos os anos, antes de iniciar o ano escolar, deve ser realizada uma avaliação do sistema visual aos educandos, de forma a perceber se as condições visuais e de motricidade ocular são as expectáveis”.

7 Setembro 2021
AtualidadeVisão

PUBLICIDADE
Bausch Lomb

Notícias relacionadas

Barcelona Specs muda-se para setembro

Inicialmente prevista para este mês de maio, a exposição da cidade condal está agora agendada para 3 e 4 de setembro de 2022. Mais de 30 marcas reservaram já lugar para a feira presente no coração da cidade de Barcelona, no Pavilhão Italiano, Fira Montjuic, Plaça d’Espanya.

Ler mais 24 Maio 2022
AtualidadeEventos e formaçãoÓculos

Copenhagen Specs, o “paraíso” das marcas independentes

A feira de ótica realizada na Escandinávia, Copenhagen Specs, abriu portas a 5 e 6 de março. Depois de um longo período “parado”, à conta da Covid-19, o evento dinamarquês reuniu as marcas eyewear independentes em Lokomotivværkstedet e recebeu apaixonados por óculos de vários países.

Ler mais 24 Maio 2022
AtualidadeEventos e formação