Ofetal Ópticas: os segredos do sucesso

Imagem da notícia: Ofetal Ópticas: os segredos do sucesso

Criada em 1973 pelos irmãos Angelina Cotovio e Manolo Dominguez, a Ofetal Ópticas conta atualmente com quatro lojas no concelho de Oeiras. Os fundadores continuam presentes diariamente nas lojas, mas após terem servido três gerações de clientes na vila dos arredores de Lisboa, os filhos de ambos são os rostos da sucessão. A ÓpticaPro foi desvendar os segredos do sucesso da empresa através das visões dos irmãos Ana e André Dominguez e da prima Raquel Cotovio.

ÓpticaPro: Há mais de 40 anos de portas abertas no concelho de Oeiras, qual o segredo do sucesso?

Ana Dominguez: Desde 1974, que a Ofetal Ópticas é uma empresa familiar que atua nas áreas da ótica, optometria, contactologia, oftalmologia e oftalmologia pediátrica. Estabelecer uma relação próxima de confiança, de ética com os nossos clientes, agindo sempre de uma forma transparente e íntegra assumindo responsabilidades e respeitando a satisfação dos nossos clientes, é o nosso segredo.

André Dominguez: O espírito de equipa também faz parte da receita do sucesso ao longo dos anos, trabalhar como um todo tem sido o nosso objetivo todos os dias.

Raquel Cotovio: A qualidade dos nossos produtos e serviços faz com que o serviço de excelência, que gostamos de proporcionar, se assuma como princípio fundamental para o sucesso.

Entrevista completa na ÓpticaPro 165.

21 Fevereiro 2017
Entrevistas

PUBLICIDADE
|MIDO 2021

Notícias relacionadas

Daniela Guerreiro: “O mercado da ótica mudou bastante”

Com uma recente remodelação, a Oculista Carioca, nos arredores de Sintra, está mais atrativa e funcional. Com “um serviço de qualidade, seriedade e profissionalismo”, Daniela Guerreiro, há 16 anos na empresa fundada pelo pai, reconhece que o mercado mudou bastante desde então.

Ler mais 20 Julho 2020
Entrevistas

“Iremos colocar em prática uma forte campanha de sensibilização”

Em meados de maio, a Associação Nacional dos Ópticos (ANO) apresentou os resultados do inquérito ao subsector de comércio a retalho de material ótico, pedido ao Centro de Estudos Aplicados (CEA) da Universidade Católica Portuguesa (UCP), com o objetivo de analisar o impacto da pandemia Covid-19 nesta área. Falámos com Fernando Tomaz, presidente da direção da ANO, para conhecermos as principais conclusões do estudo e as medidas que se impõem.

Ler mais 26 Junho 2020
Entrevistas