Óculos de sol têm futuro

Imagem da notícia: Óculos de sol têm futuro

Estima-se que o mercado dos óculos de sol aumente o volume de vendas pelo menos até 2019.

Segundo o relatório da TechNavio, a alteração deve-se à tomada de consciência da sociedade relativamente às características protetoras dos óculos de sol contra os raios UV, por exemplo, entre outros pontos.

Os vendedores chave são os grupos FGX Internacional, Luxottica Group e Sàfilo Group, mas também outras marcas se destacam, como a De Rigo Vision e Tag Heuer.

Como desafios, pondera-se que a contrafação continue a ser um problema neste mercado e, por outro lado, o negócio ‘online’ representará, tal como já se evidencia, uma tendência crescente.

3 Março 2015
Atualidade

Notícias relacionadas

Plano de contingência: comunicado HOYA

Carlos Matos, country manager da HOYA Portugal, dirige-se a todos os clientes e profissionais do setor, no seguimento do novo confinamento geral decretado pelo Governo.

Ler mais 14 Janeiro 2021
AtualidadeLentes

Novo confinamento: óticas mantêm portas abertas

O Governo já anunciou as medidas do novo confinamento geral para um combate necessário ao avultado número de infetados com Covid-19. Na generalidade, voltam a ser aplicadas as regras do primeiro confinamento, altura em que as óticas foram consideradas serviços essenciais e puderam abrir ao público.

Ler mais 14 Janeiro 2021
Atualidade