O olhar não mente

Imagem da notícia: O olhar não mente

Pela primeira vez, cientistas da Universidade de Cornell, EUA, conseguem revelar a orientação sexual de pessoas através dos olhos.

Segundo o estudo, publicado no jornal científico PLoS ONE, foi usada uma lente especial de infravermelhos para medir as mudanças pupilares aos participantes do estudo quando estes assistiam a vídeos eróticos. As pupilas expandiram-se mais em vídeos de pessoas que os participantes acharam atraentes, revelando se eram heterossexuais ou homossexuais.

“Com esta nova tecnologia, somos capazes de explorar a orientação sexual de pessoas que nunca iriam participar num estudo de excitação genital, como as pessoas de culturas tradicionais. Isto dá-nos uma melhor compreensão de como a sexualidade é expressa por todo o planeta”, afima Gerulf Rieger, autor líder do estudo.

12 Setembro 2012
Atualidade

Notícias relacionadas

Óticas estão incluídas no Programa Apoiar.pt

Já pode registar a sua empresa ou organização no Balcão Portugal 2020, caso pretenda requerer o novo apoio dirigido aos negócios mais afetados pela pandemia Covid-19, nomeadamente na área do comércio.

Ler mais 27 Novembro 2020
Atualidade

Ranking Facebook – Outubro 2020

Neste artigo, que pretendemos publicar regularmente, damos a conhecer as óticas que tiveram o melhor “desempenho” no Facebook durante o período de um mês.

Ler mais 19 Novembro 2020
Atualidade