“Aposta contínua na Air Optix® Multifocal”

Imagem da notícia: “Aposta contínua na Air Optix® Multifocal”

ÓpticaPro: Que percurso percorreu até à chegada da actual posição na Alcon® Vision Care?

Tiago Semelhe : Estudei Optometria na Universidade do Minho, fiz depois o Master de Optometria Clínica Avançada pela Universidade Europeia de Madrid, e sempre trabalhei como ‘freelancer’ em várias ópticas da zona norte do país. Passei por uma experiência muito marcante e enriquecedora, a nível pessoal e profissional, ao dar formação de optometria a estudantes de Nampula, em Moçambique, através de uma Organização Não Governamental, ICEE.

OP: Porquê tomou posse deste cargo?

TS: Este cargo vem da necessidade de formar melhor os profissionais de óptica, na área das lentes de contacto, porque só formando primeiro o profissional é que o consumidor final pode ficar devidamente esclarecido ao adquirir lentes de contacto. Eu já tinha feito alguns trabalhos para a Alcon® Vision Care em regime de ‘outsourcing’ e surgiu o convite para ser responsável pelos serviços profissionais.

OP: Que funções irá assumir exactamente na Alcon® Vision Care?

TS: Irei desempenhar funções de marketing e de formação. O objectivo é trabalhar directamente com as ópticas. Em 2012, pretendemos fazer vários seminários (com 25 a 30 pessoas cada), em várias zonas do país, concentrando optometristas de várias regiões, afim de fazer chegar a nossa formação a mais de 250 profissionais.

Entrevista na íntegra na ÓpticaPro 99

 

26 Dezembro 2011
Entrevistas

PUBLICIDADE
|MIDO 2021

Notícias relacionadas

Daniela Guerreiro: “O mercado da ótica mudou bastante”

Com uma recente remodelação, a Oculista Carioca, nos arredores de Sintra, está mais atrativa e funcional. Com “um serviço de qualidade, seriedade e profissionalismo”, Daniela Guerreiro, há 16 anos na empresa fundada pelo pai, reconhece que o mercado mudou bastante desde então.

Ler mais 20 Julho 2020
Entrevistas

“Iremos colocar em prática uma forte campanha de sensibilização”

Em meados de maio, a Associação Nacional dos Ópticos (ANO) apresentou os resultados do inquérito ao subsector de comércio a retalho de material ótico, pedido ao Centro de Estudos Aplicados (CEA) da Universidade Católica Portuguesa (UCP), com o objetivo de analisar o impacto da pandemia Covid-19 nesta área. Falámos com Fernando Tomaz, presidente da direção da ANO, para conhecermos as principais conclusões do estudo e as medidas que se impõem.

Ler mais 26 Junho 2020
Entrevistas