“2011 foi o ano da internacionalização da Opti Munich ”

Imagem da notícia: “2011 foi o ano da internacionalização da Opti Munich ”

Claudia Weidner, ‘project manager’ da feira de Munique, falou com a ÓpticaPro e explicou os meandros da edição de 2012 da Opti Munich, Feira Internacional de Tendências da Indústria Óptica.

ÓpticaPro: A edição de 2011 da Opti Munich foi um sucesso. A que se deveu este êxito?

Claudia Weidner: A grande razão reside na colaboração constante entre a organização da feira e a indústria de óptica, através de um contacto muito intenso que se estabeleceu. Neste sentido, a Opti atraiu mais fãs. E porquê? Nesta edição, registámos um aumento do número de expositores estrangeiros. Um total de 470 empresas internacionais apresentou uma gama completa de lentes de contacto, armações e equipamentos. Aliás, conseguimos em 2011 que os visitantes internacionais voltassem à Opti e que não ficássemos apenas pelos profissionais alemães. 2011 foi, sem dúvida, o ano da internacionalização da feira.

OP: Em termos de números, isso reflecte-se em quê?

CW: Com quase um quarto do total de visitantes vindos do estrangeiro, a Opti registou um forte crescimento a este nível. Ao todo, viajaram até Munique 22.700 visitantes de 69 países da Europa, Ásia e América.

OP: E os profissionais portugueses constituem um grupo importante para a feira de Munique?

CW: Sem dúvida, achamos que o mercado português apresenta um grande potencial. O nosso objectivo é aumentar ainda mais o número de visitantes de profissionais lusos. Aliás, a data da feira é crucial. Os ópticos podem, logo em Janeiro, apreciar toda a gama de armações de prescrição, óculos de sol, lentes e equipamentos.

 

 

 

17 Outubro 2011
Entrevistas

PUBLICIDADE
|MIDO 2021
PUBLICIDADE
Vision Plus Expo 2021

Notícias relacionadas

“É indescritível sentir que com pouco mudamos a vida de alguém”

Apaixonados por viagens e ligados ao mundo da ótica, Ana Carvalho e Vítor Martins são pessoas inspiradoras, que aliam o gosto de viajar à ajuda ao próximo. Numa conversa com a ÓpticaPro, os proprietários da Ótica Maxivisão desvendaram-nos as suas aventuras e missões em conjunto, para além da história da marca. Apesar de a pandemia associada ao novo coronavírus ter adiado alguns sonhos, de uma coisa estão seguros: não os parou.

Ler mais 27 Abril 2021
EntrevistasRevista

Criador da Police Eyewear muda-se para Portugal

O designer e criador da marca Police Eyewear, Bruno Palmegiani, decidiu mudar-se de armas e bagagens para Lisboa no ano passado, onde tenciona colocar em prática algumas ideias e projetos quando a pandemia o permitir.

Ler mais 22 Fevereiro 2021
Entrevistas

“Nunca mais vamos voltar a trabalhar como antigamente”

Confesso otimista, irrequieto e ambicioso, Rui Motty é uma pessoa inspiradora, característica própria dos líderes. Numa longa conversa com a ÓpticaPro, o diretor da Optocentro desvendou-nos as novidades da empresa, para além das soluções para os obstáculos provocados pela pandemia associada ao novo coronavírus. De uma coisa está certo: nada voltará a ser como antes.

Ler mais 20 Janeiro 2021
Entrevistas