“Criar óculos tornou-se a minha paixão”

ÓpticaPro: Como descreve a filosofia da Danish Eyewear?

Tue Strange: É a combinação de um desenho clássico e um desejo de inovação. Na realidade, o ‘design’ escandinavo torna-se difícil de definir, já que se baseia na relação pura entre forma e função. Esta situação acentua os traços simples e a consistência da expressão, ao mesmo tempo que considera a dimensão humana e a necessidade de conforto.  Os óculos Danish Eyewear são, de facto, um bom exemplo de ‘design’ escandinavo  moderno, pois reflectem linhas genuínas e artesanais de excelente qualidade. Além disso, espelham a nossa vontade de inovar.

 

OP: Como funciona o processo de criação dos óculos, desde a pesquisa até ao produto final?

TS: Criar óculos tornou-se a minha grande paixão e, por isso, aplico-me totalmente neste processo. Durante a concepção das armações combino sempre desenhos harmoniosos  com as soluções técnicas adequadas.  Hoje em dia, exige-se, mais do que nunca, um produto de qualidade que aposte também na moda. Como tal, antes de iniciar o processo de criação, investigo tudo o que está em voga, como desenhos, materiais e cores. Só depois parto para a acção.

 

OP: A Danish Eyewear introduziu a Jacob Jensen no seu ‘portfolio’. Porquê esta associação?

TS: Pela filosofia de pureza, discrição e intemporalidade associada à marca. A Jacob Jensen introduziu no mercado o conceito de armação única, sem aros. Em 2000,  aperfeiçoou-se a ideia  e lançou-se os óculos Rim. Trata-se de uma série de modelos clássicos, mas que ainda hoje se revelam muito actuais. É, sem dúvida, um projecto de longa duração, absolutamente intemporal, que daqui a 20 anos continuará a vender.

 

OP: Como espera a  Jacob Jensen alcançar o objectivo de se tornar uma marca forte no seio do ‘design’ dinamarquês e escandinavo?

TS: Através da criação de algo novo e diferente. A Jacob Jensen assegura, além do ‘design’ inovador, uma experiência de prazer pelo conforto que proporciona, sem alterar o rosto e sem reclamar demasiadas atenções. Neste momento, estamos a preparar a colecção Thimothy, que incidirá em armações de acetato.


OP: E porquê a escolha de uma empresa especializada em ‘design’  e não uma tradicional companhia de óptica para representar  estas insígnias em Portugal?

TS: Gosto de ir contra as tradições. Além disso, trabalhar com um ‘designer’ como o Emanuel Barbosa, o responsável pela Vestígio, é realmente vantajoso para nós. Graças ao ‘know-how’ que tem, percebe exactamente as características dos nossos produtos e transmite-as fidedignamente a todos os clientes.

 

Veja a versão integral na ÓpticaPro nº 82

1 Outubro 2010
Entrevistas

PUBLICIDADE
MIDO 2022
PUBLICIDADE
jackNoble

Notícias relacionadas

“Somos muito gratos aos nossos pais pelo que construíram com tanta paixão”

Após uma ligação de vários anos com o Institutoptico, a Ofetal (cadeia de óticas de Oeiras) decidiu criar uma parceria com a concorrente Optivisão. Quatro anos após uma entrevista com os filhos dos fundadores da empresa - Raquel Cotovio e Ana e André Dominguez - quisemos saber quais os motivos da mudança e os projetos de futuro de uma empresa onde as raízes e valores familiares estão sempre presentes.

Ler mais 25 Novembro 2021
Entrevistas

“A UDM é, na verdade, um projeto que cresceu connosco”

A marca italiana Unique Design Milan, fundada por dois amigos durante o período universitário, está em processo de internacionalização. Com a representação em Portugal a cargo de Mario Torre e Rui Lopez, a sua presença no mercado português está a crescer de forma sustentada, de acordo com a sua premissa de qualidade superior, produtos feitos exclusivamente à mão. A ÓpticaPro aproveitou a primeira visita dos dois criadores da UDM a Lisboa – Stefano Romanelli e Mattia Colleoni, para perceber os seus objetivos de expansão da marca.

Ler mais 17 Novembro 2021
Entrevistas

“A vontade de crescer leva qualquer pessoa longe”

A década de 90 marca o início daquela que seria uma bela história de amor. De Lisboa para Anadia, o negócio de duas gerações cresceu a partir da Ourivesaria e deu lugar à Óptica Almeida. Com o amor veio o sucesso, e com ele nasce a Opticalia AliÓpticas em 2011. A ÓpticaPro falou com Ana Paula Cardoso, responsável pela marca, que nos guia por entre alguns dos momentos que marcam o 25º Aniversário desta ótica.

Ler mais 15 Novembro 2021
Entrevistas